24 de maio de 2022Informação, independência e credibilidade
Governo

Elon Musk compra Twitter por mais de US$ 44 bilhões

Empresário quer tornar públicos os algoritmos da rede, para que as pessoas confiem mais na plataforma, e quer combater bots

O bilionário Elon Musk anunciou hoje (25) que comprou 100% do Twitter. Estima-se que o valor total da operação seja de US$ 44 bilhões (cerca de R$ 214 bilhões), pois o empresário pagará US$ 54,20 por ação (cerca de R$ 264).

Com a aquisição, a companhia deixará de ter ações negociadas na bolsa, e se tornará de capital fechado.

“Liberdade de expressão é a base do funcionamento da democracia, e o Twitter é a praça de discussão digital, onde são debatidos os assuntos vitais para o futuro da humanidade. Também quero tornar o Twitter melhor ao aprimorar o produto e acrescentando novos recursos”. Elon Musk em comunicado.

O empresário cita ainda que quer tornar públicos os algoritmos da rede, para que as pessoas confiem mais na plataforma, e quer combater bots (robôs ou usuários de comportamento automatizado) que semeiam spam e autenticar todos os seres humanos que participam do site.

“Estou ansioso para trabalhar com a companhia e comunidade de usuários para desbloquear o potencial [da plataforma]”.

O empresário já criticou várias vezes políticas de moderação de conteúdo de redes sociais, que são pensadas como formas de tentar coibir desinformação e barrar discursos de ódio.

Por outro lado, sua ascensão como “dono” único da plataforma também preocupa usuários e influenciadores.