4 de dezembro de 2021Informação, independência e credibilidade
Brasil

Em editorial, William Bonner tenta acordar quem ainda não acredita: ‘8 mil vidas acabaram’

Ele acredita que muitos relativizam as mortes, até chegar a uma pessoa famosa ou no núcleo da própria família. E aí seria tarde demais

William Bonner abriu o Jornal Nacional (JN) desta quarta-feira (6) desabafando com os telespectadores que ainda não respeitam as orientações das organizações de saúde.

Isso logo após a companheira de bancada, Renata Vasconcellos, anunciar as mais de 8 mil mortes no Brasil provocadas pelo novo coronavírus naquelas últimas 24 horas.

“Na quinta passada eram 5.901 mortos. Os números vão aumentando desse jeito, cada vez mais rápido, vão dando saltos. E vai todo mundo se acostumando, porque são números. Um número muito grande de mortes de repente, num desastre, sempre assusta. As pessoas levam um baque”. William Bonner, apresentador do JN.

Ele relembrou as mortes que ocorreram no rompimento da barragem em Brumadinho (MG), em 2019, e os atentados do 11 de setembro de 2001, nos Estados Unidos. E disse que, quando elas acontecem em um espaço de tempo mais esparso, as pessoas relativizam. Até ser tarde demais:

“Oito mil vidas acabaram. Eram vidas de pessoas, amadas por outras pessoas. Pais, irmãos, filhos, amigos, conhecidos. Aí o luto dessas tantas famílias vai ficando só pra elas, porque as outras pessoas já não têm nem como refletir sobre a gravidade dessas mortes todas, que vão se acumulando todo dia. Hoje, são oito mil e quinhentas. Amanhã, a gente não sabe. Quando é assim, o baque só acontece quando quem morre é um parente, um amigo, um vizinho ou uma pessoa famosa”. William Bonner.

Segundo os dados mais recentes do Ministério da Saúde, foram confirmados 125.218 casos do novo coronavírus em território nacional. Desde o início da pandemia, 8.536 pessoas morreram em decorrência da doença.

Após o alerta aos espectadores, o nome do jornalista tornou-se um dos assuntos mais comentados no Twitter. Confira o vídeo com a fala do apresentador