29 de julho de 2021Informação, independência e credibilidade
Alagoas

Hospital do Alto Sertão é inaugurado e amplia assistência de saúde na região

Governo do Estado chega à marca de 400 leitos de UTI exclusivos para tratamento de Covid-19

Profissionais de saúde apostos no novo equipamento: investimento inédito para atender aos sertanejosMárcio Ferreira

O Hospital Regional do Alto Sertão (HRAS), em Delmiro Gouveia, foi entregue na manhã desta segunda-feira (21) pelo governador Renan e o secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres. Foram investidos R$ 35 milhões na construção do equipamento que contará, inicialmente, com 60 leitos, sendo 50 clínicos e 10 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), exclusivos para atender pacientes acometidos pela Covid-19.

“A entrega desse hospital coloca um ponto final na saga que sempre foi a vida da população sertaneja, que era tratada em outras regiões de Alagoas e até em outros Estados brasileiros, que fazem divisa com essa parte de Alagoas”. Renan Filho.

Prevista para dezembro, a entrega do HRAS foi antecipada em razão da pandemia da Covid-19 e começa a funcionar nesta terça-feira (22).

“Estamos abrindo o hospital agora, nesse momento, pelo senso de urgência que essa pandemia impõe a todos. Agora teremos leitos de UTI e clínicos para tratar Covid no Sertão, bem como todos os exames disponíveis, especialmente o mais complexo deles: a tomografia computadorizada, que também será feita aqui no Hospital do Alto Sertão”. Renan Filho.

O secretário Alexandre Ayres informou que com a entrega do Hospital Regional do Alto Sertão, Alagoas atingiu, nesta segunda-feira, a marca de 400 leitos de UTI e 1.100 clínicos, exclusivos para Covid-19.

“Essa é, certamente, uma estrutura muito grande e invejável para outros Estados até de maior capacidade. Alagoas é um dos poucos do Brasil que, em nenhum momento, houve fila para atendimento de pacientes com Covid”. Alexandre Ayres.

Quando estiver em pleno funcionamento, o HRAS será “porta aberta” para o atendimento à população em geral e terá 153 leitos. Os sertanejos terão à disposição serviços de ortopedia, nefrologia, cardiologia, urologia, cirurgia geral e obstetrícia, além de exames por imagem.

A estimativa é que sejam realizados, mensalmente, sete mil exames de diagnóstico complementar. Para isso, serão disponibilizados exames de tomografia computadorizada, ultrassonografia, ecocardiograma, eletrocardiograma e raios-x.

“A construção desse hospital moderno, de ponta, dotado dos melhores equipamentos disponíveis no mercado, vai, certamente, revolucionar o atendimento em saúde pública no Sertão”. Renan Filho.

O HRAS vai beneficiar mais de 160 mil moradores residentes em Delmiro Gouveia, Piranhas, Inhapi, Canapi, Água Branca, Olho D’Água do Casado, Mata Grande e Pariconha.

A prefeita de Delmiro Gouveia, Ziane Costa, confessou estar emocionada e grata ao governador Renan Filho pela construção do Hospital Regional do Alto Sertão.

“Para os delmirenses e para todos do Alto Sertão, hoje é um dia de alegria e de gratidão”. Ziane Costa.

O HRAS terá capacidade para realizar 7.763 consultas e 7 mil exames de diagnóstico por mês e, com isso, reduzir o fluxo de sertanejos que buscam atendimento no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca, e no Hospital Geral do Estado (HGE), em Maceió.

Expansão

O HRAS é quinto hospital entregue pelo Governo do Estado nos últimos dois anos. Além do Hospital da Mulher e Metropolitano, em Maceió, já estão em funcionamento o Regional do Norte, em Porto Calvo; e Regional da Mata, em União dos Palmares. Outros dois hospitais estão sendo edificados na capital: o da Criança e o do Coração.

O Governo do Estado vai construir, ainda, o Hospital Regional do Médio Sertão, em Palmeira dos Índios; o Metropolitano do Agreste, em Arapiraca; e o Hospital do Idoso, em Maceió.

“Esse conjunto de investimentos em grandes unidades hospitalares em Alagoas, certamente será um divisor de águas. Quando no futuro as pessoas olharem para trás, vão observar que no mundo aconteceu uma grande pandemia e durante essa grande pandemia o Estado de Alagoas entregou os maiores investimentos hospitalares de sua história, o que ajudou decisivamente a salvar vidas”, concluiu o governador, ao lado do senador Renan Calheiros, que participou da entrega do hospital.