9 de dezembro de 2021Informação, independência e credibilidade
Personalidades

Morre em Maceió a médica e ex-vereadora Terezinha Ramires

Terezinha foi uma das referências em Alagoas na defesa da luta pelo empoderamento feminino

Terezinha Ramires: uma vida dedicada à luta em defesa da mulher

Morreu neste domingo, aos 90 anos, a médica e ex-vereadora de Maceió, Terezinha Ramires. A informação é do médico e filho dela Delane Tadeu Ramires, que fez o comunicado nas redes sociais.

Filha de comerciantes, Terezinha Ramires iniciou a faculdade de medicina em 1951, na Universidade Federal de Alagoas, era aluna da primeira turma de médicos, tendo participado do Diretório Acadêmico e da diretoria da União Nacional dos Estudantes (UNE),[1] onde ocupou a vice-presidência.

Especializada em pediatria, foi responsável pela criação do Departamento de Pediatria na Sociedade de Medicina de Alagoas e por duas vezes ocupou a vice-presidência da entidade. Fundou o primeiro pronto-socorro infantil de Maceió e também a primeira clínica particular especialmente para crianças. Além disso, lecionou na Faculdade de Medicina da UFAL ocupando as cadeiras de Nutrição e Pediatria.

Vida pública – Terezinha Ramires foi uma grande referência para as feministas em alagoas. Em 1984 participou do Seminário sobre Mulher e Política, organizado por Ruth Cardoso, para discutir a criação do Conselho Nacional dos Direitos da Mulher. Em 1985 fundou a Associação Alagoana Pró-Mulher. Em 1992 assumiu a coordenação do Fórum de Entidades Autônomas do Movimento de Mulheres de Alagoas. Participou do Movimento pela criação do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Mulher (CEDIM) e foi sua 1ª Presidente, além de colaborar com o Projeto de Lei criador da Polícia Feminina.

Na política – Terezinha iniciou a carreira política filiada ao PT, mas por conflitos internos, lançou sua primeira candidatura partidária pelo PSB nas eleições de 1988, e, depois filiou-se ao PSDB,  quando foi eleita vereadora de Maceió nas eleições de 1992. Mais tarde, em 2004, candidatou-se novamente, mas não ganhou as eleições. Em 2006 tomou posse como suplente do vereador Marcelo Malta.

 

One Comment

  • Avatar Marilene Carvalho Ribeiro

    Meus sentimentos a toda família. Eterna saudade. Ela foi una grande mulher! Super trabalhadora , responsável, competente, muito guerreira! Q tenha o descanso eterno.

Comments are closed.