29 de novembro de 2021Informação, independência e credibilidade

Tag: MPF

MPF em Alagoas retoma atendimentos presenciais

MPF em Alagoas retoma atendimentos presenciais

Expresso
O Ministério Público Federal (MPF) em Alagoas inicia, a partir desta segunda (5), a retomada gradual, parcial e sistematizada das atividades presenciais na unidade de Maceió. O objetivo é a continuidade do serviço público de natureza essencial, preservando a saúde de membros, servidores, estagiários e demais colaboradores. O atendimento ao cidadão seguirá normas para garantir a segurança sanitária de todos. A Sala de Atendimento ao Cidadão está disponível para o atendimento presencial no horário das 08h00 às 12h00, já o serviço de protocolo das 13h00 às 17h00. Em caso de dúvidas, o cidadão pode ligar para (82) 2121-1468. Acesse aqui a Portaria MPF/PRAL nº 31, de 25 de setembro de 2020, que detalha os procedimentos. Os cidadãos que precisarem de atendimento presencial podem dirigir-se
Flávio Bolsonaro foge de acareação no MPF para cantar ‘Todo Maconheiro dá o Boga’ com Sikêra Jr.

Flávio Bolsonaro foge de acareação no MPF para cantar ‘Todo Maconheiro dá o Boga’ com Sikêra Jr.

Brasil, Vídeos
O senador Flávio Bolsonaro tinha uma acareação marcada com o Ministério Público Federal (MPF), no Rio de Janeiro, nesta segunda (21), com o empresário Paulo Marinho. O objetivo seria esclarecer informações sobre o suposto vazamento da Operação Furna da Onça, em 2018. Ele só não poderia comparecer se apresentasse um atestado médico. Ainda assim, ele não compareceu com a alegação de que estava cumprindo agenda oficial no Amazonas. Seu compromisso era uma visita ao programa do apresentador Sikêra Jr. Ele e seu irmão, o deputado federal Eduardo Bolsonaro, estavam no programa do apresentador bolsonarista, dançando e cantando uma música contra os “maconheiros”. A procuradoria vai apurar se Flávio cometeu crime de desobediência por faltar à acareação. https://www.instagram.com/
Procuradores da Lava Jato de SP pedem demissão

Procuradores da Lava Jato de SP pedem demissão

Brasil
Os oito procuradores da força-tarefa da Lava Jato em São Paulo pediram para deixar seus cargos no grupo, em ofício apresentado à PGR (Procuradoria-Geral da República) nesta quarta-feira (2). A carta de renúncia da equipe em São Paulo é assinada pela coordenadora da equipe, Janice Ascari, que assessorou anteriormente o ex-procurador-geral Rodrigo Janot, e outros seis integrantes. A decisão é uma resposta a divergências com uma procuradora com quem eles compartilham a divisão do Ministério Público Federal em São Paulo responsável por casos da operação. A força-tarefa de São Paulo cuida de desdobramentos da operação enviados para o estado. Entre os casos, há, por exemplo, acusações relativas ao ex-operador do PSDB Paulo Preto. Uma investigação sobre negócios de um filho do ex-pre
Secretário de Saúde do DF é preso por irregularidades em compra de testes para Covid-19

Secretário de Saúde do DF é preso por irregularidades em compra de testes para Covid-19

Brasil
O secretário de saúde do Distrito Federal, Francisco Araújo, foi preso preventivamente na manhã desta terça-feira (25), em uma operação que investiga supostas irregularidades na compra de testes para detecção da Covid-19. Ele foi detido no apartamento onde mora, no Noroeste. Sua prisão faz parte da segunda fase da operação Falso Negativo, deflagrada pelo Ministério Público do DF. Ao todo, foram expedidos 44 mandados de busca e apreensão e sete de prisão, entre temporárias e preventivas. Entre os detidos, além do próprio Araújo, estão: Ricardo Tavares Mendes - ex-secretário adjunto de Assistência à Saúde do DF; Eduardo Hage Carmo - subsecretário de Vigilância à Saúde do DF; Eduardo Seara Machado Pojo do Rego - secretário adjunto de Gestão em Saúde do DF; Jorge Antônio Chamon
Covid-19: Ministério Públicos recomendam que flexibilização se ampare em critérios científicos

Covid-19: Ministério Públicos recomendam que flexibilização se ampare em critérios científicos

Alagoas
O Ministérios Público Federal (MPF), o Ministério Público do Estado de Alagoas (MPE/AL), o Ministério Público do Trabalho (MPT) e o Ministério Público de Contas (MPC) recomendaram, conjuntamente, ao Estado, m respeito aos princípios da eficiência, precaução e prevenção, que institua em sua política pública de flexibilização do isolamento social critérios científicos cuja execução garanta segurança à população. A recomendação estabelece um prazo de 48 horas para uma resposta que indique as medidas que tenham sido ou que serão adotadas. Os Órgãos ressaltam que, apesar de ter havido pronunciamentos oficiais inicialmente definindo a data de 22 de junho para o início do relaxamento das medidas de isolamento social, faltou ao Governo do Estado anunciar os critérios e evidências científ
Flávio Bolsonaro é intimado a depor em investigação de vazamentos na PF

Flávio Bolsonaro é intimado a depor em investigação de vazamentos na PF

Brasil
O Ministério Público Federal no Rio de Janeiro intimou o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) a prestar depoimento na ação que investiga possíveis vazamentos da Polícia Federal na Operação Furna da Onça, realizada em 2018. Como possui foro privilegiado por causa do cargo que ocupa no Senado, a intimação deverá ser encaminhada pelo procurador-geral da República, Augusto Aras, a pedido do Núcleo de Controle Externo da Atividade Policial no Rio. Flávio Bolsonaro terá 30 dias para marcar seu depoimento. O caso apura declarações feitas pelo empresário Paulo Marinho, que afirmou que o senador, na época deputado estadual, tinha conhecimento prévio da operação que investigava o esquema de rachadinhas na Alerj, na qual foram reveladas movimentações financeiras atípicas do então asse
PM cruzou os braços durante ataques ao STF, segundo ministros da Corte e governo do DF

PM cruzou os braços durante ataques ao STF, segundo ministros da Corte e governo do DF

Brasil
Ministros do Supremo Tribunal Federal e integrantes do Governo do Distrito Federal que o ataque  de manifestantes contra a corte na noite de sábado (13) foi facilitado pela Polícia Militar em conluio com o Palácio do Planalto. Enquanto eram instalados os fogos de artifício na praça dos Três Poderes, que foram lançados acompanhado de gritos em direção ao prédio do Supremo, chamou a atenção de todos os observadores do episódio a permissividade e falta de ação policial durante todo o momento. A falta de reação policial pode ter sido combinada com pessoas da área de inteligência do governo. O governo do Distrito Federal agiu rapidamente e destituiu o subcomandante da PM, Luiz Ferreira de Souza, na tarde do domingo. Ele é o chefe efetivo da polícia, já que o comandante está se recuper
Covid-19: MPF recomenda elaboração de protocolo de óbito ao HU de Alagoas

Covid-19: MPF recomenda elaboração de protocolo de óbito ao HU de Alagoas

Alagoas
O Ministério Público Federal (MPF) em Alagoas - por meio do grupo de trabalho de prevenção e atuação em face da covid-19 - expediu recomendação ao Hospital Universitário Professor Alberto Antunes (HUPAA), com o objetivo de a unidade elaborar protocolo interno de manipulação, identificação, guarda, e traslado dos falecidos em decorrência do novo coronavírus. Com a medida, o MPF busca assegurar dignidade, integridade e respeito aos obituados e seus familiares. O documento, assinado pelos procuradores da República Bruno Lamenha, Júlia Cadete, Juliana Câmara, Niedja Kaspary e Roberta Bomfim recomenda que o protocolo a ser elaborado disponha sobre os procedimentos adotados para declaração de óbito, translado ao necrotério e liberação do corpo ao serviço funerário, sempre que houver co
Flávio Bolsonaro acha “exagerado” o número de mortos por Covid-19 e MPF abre investigação

Flávio Bolsonaro acha “exagerado” o número de mortos por Covid-19 e MPF abre investigação

Brasil
Enquanto presidente Jair Bolsonaro e os governadores não entram em um entendimento quando aos decretos de isolamento social, o filho senador Flávio Bolsonaro solicitou e o MPF (Ministério Público Federal) iniciou uma investigação para apurar as mortes por coronavírus em São Paulo. A questão, claro, é política. Exatamente o oposto dos que os Bolsonaro pregam: eles acreditam que há uma "uma supernotificação" de mortes por covid-19 no estado governado por João Doria, desafeto do presidente. A Procuradoria abriu o procedimento a partir de uma representação feita pelo senador Flávio Bolsonaro. Segundo Flávio, os médicos que atuam nas ambulâncias paulistas estão registrando a covid-19 como causa de mortes mesmo sem a realização de exames laboratoriais. O estado mais populoso do Brasil
MPF recomenda ações emergenciais de segurança alimentar nas comunidades tradicionais de AL

MPF recomenda ações emergenciais de segurança alimentar nas comunidades tradicionais de AL

Alagoas
O Ministério Público Federal (MPF) em Alagoas, por meio do grupo de trabalho de prevenção e atuação em face da covid-19, recomendou ao Governo do Estado e aos Municípios alagoanos a adoção de medidas urgentes para garantir a segurança alimentar nas comunidades quilombolas e demais comunidades tradicionais. Objetivo da recomendação é reforçar a proteção, durante a pandemia do novo coronavírus, dessa parte da população que, normalmente, já é mais vulnerável aos impactos socioambientais. O documento, assinado pelos procuradores da República Bruno Lamenha, Júlia Cadete, Juliana Câmara, Niedja Kaspary e Roberta Bomfim recomenda que os entes federativos mencionados procedam à distribuição de alimentos, de forma urgente, com especial atenção às localidades de difícil acesso. Na escol