22 de novembro de 2020Informação, independência e credibilidade
Brasil

Flávio Bolsonaro foge de acareação no MPF para cantar ‘Todo Maconheiro dá o Boga’ com Sikêra Jr.

MPF queria esclarecer informações sobre o suposto vazamento de operação para favorecer a eleição de Jair Bolsonaro

O senador Flávio Bolsonaro tinha uma acareação marcada com o Ministério Público Federal (MPF), no Rio de Janeiro, nesta segunda (21), com o empresário Paulo Marinho.

O objetivo seria esclarecer informações sobre o suposto vazamento da Operação Furna da Onça, em 2018. Ele só não poderia comparecer se apresentasse um atestado médico.

Ainda assim, ele não compareceu com a alegação de que estava cumprindo agenda oficial no Amazonas. Seu compromisso era uma visita ao programa do apresentador Sikêra Jr.

Ele e seu irmão, o deputado federal Eduardo Bolsonaro, estavam no programa do apresentador bolsonarista, dançando e cantando uma música contra os “maconheiros”.

A procuradoria vai apurar se Flávio cometeu crime de desobediência por faltar à acareação.

Furça da Onça

A partir da denúncia feita em maio por Marinho, suplente de Flávio no Senado, o MPF investiga um suposto vazamento de informação da Operação Furna da Onça a Flávio Bolsonaro.

Segundo o empresário, Flávio teria sido avisado da existência da operação entre o primeiro e o segundo turnos das eleições de 2018 por um delegado da PF que era simpatizante da candidatura de Jair Bolsonaro.

Os policiais teriam segurado a operação, então sigilosa, para que ela não ocorresse no meio do segundo turno, evitando prejuízo à então candidatura de Bolsonaro.

A Operação Furna da Onça tornou público relatório do Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) que aponta movimentação atípica na conta de Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio. O documento também apresenta indícios da prática de rachadinha no gabinete do filho mais velho de Jair Bolsonaro.

Na versão de Marinho, o delegado-informante teria aconselhado Flávio a demitir Queiroz e uma das filhas dele, que trabalhava no gabinete de deputado federal de Jair Bolsonaro em Brasília.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.