27 de novembro de 2021Informação, independência e credibilidade

Tag: Record

Reinaldo Gottino se demite da CNN Brasil e volta para a Record

Reinaldo Gottino se demite da CNN Brasil e volta para a Record

Brasil
Após uma "proposta irrecusável", o jornalista Reinaldo Gottino comunicou o canal de notícias CNN Brasil, na tarde desta sexta-feira (29), que se demitiu e vai voltar pra Record. Voltando com ares de estrela, Gottino reassumirá o Balanço Geral SP, que apresentou de 2014 a 2019. Ele deve ter também um programa semanal. O novo contrato com a emissora de Edir Macedo (que pagará a multa rescisória de três meses de salário) valerá por 5 anos. Gottino, de 42 anos, foi uma das principais contratações da CNN Brasil, onde comandou dois programas, o Novo Dia e o vespertino 360º. No canal de notícias fechado, ele protagonizou algumas discussões no ar com Gabriela Prioli, que quase saiu da CNN Brasil. https://www.youtube.com/watch?v=NjDwBDMFVuQ De volta à Record, Gottino tem tudo para r
Bispo Edir Macedo, dono da Record: ‘coronavírus é inofensivo e satanás usa a mídia’

Bispo Edir Macedo, dono da Record: ‘coronavírus é inofensivo e satanás usa a mídia’

Vídeos
https://www.youtube.com/watch?v=BWa8qxlrNgc Mais uma para a conta dos irresponsáveis: em vídeo, o bispo Edir Macedo, da Igreja Universal e proprietário da Record, TV que apoia o presidente Jair Bolsonaro, desacredita os alertas sobre a gravidade da disseminação do coronavírus. Ele diz que tudo não passa de uma estratégia de Satanás e da mídia para induzir as pessoas ao pânico.
Secom da Presidência da República privilegia clientes de Wajngarten e TVs religiosas

Secom da Presidência da República privilegia clientes de Wajngarten e TVs religiosas

Política
Fabio Wajngarten, responsável pela Secom (Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República) fez mudanças na estratégia e privilegiou na distribuição de verbas TVs sobre a reforma da Previdência, a maior e mais cara campanha de publicidade do Planalto, clientes de uma empresa do secretário e emissoras religiosas. Todas apoiadoras do presidente Jair Bolsonaro. Na primeira fase da campanha, de R$ 11,5 milhões, veiculada de 20 de fevereiro a 21 de abril, o plano de mídia definiu que a TV mais contemplada com recursos seria a Globo nacional, líder de audiência e que atinge maior público. Entretanto, após Wajngarten assumir o cargo em abril, a Secom mudou a orientação. Na segunda etapa da campanha, o plano de mídia excluiu a Globo nacional da lista de contratadas, mantendo
Relação ilegal: Chefe da Secom de Bolsonaro recebe dinheiro da Record e Band

Relação ilegal: Chefe da Secom de Bolsonaro recebe dinheiro da Record e Band

Brasil
Fabio Wajngarten, o Chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, recebe através de uma empresa que é sócio dinheiro das emissoras Band, Record e de agências de publicidade contratadas pela própria secretaria, ministérios e estatais do governo Jair Bolsonaro. A relação apresenta não só um conflito de interesses, como é proibida pela legislação, pois o governo não pode manter relação com empresas que possam ser afetadas por suas decisões. E a Secom é a responsável pela distribuição da verba de propaganda do Planalto e também por ditar as regras para as contas dos demais órgãos federais. A prática implica conflito de interesses e pode configurar ato de improbidade administrativa, demonstrado o benefício indevido. Entre as penalidades previstas está a demiss
Caso Marielle: Bolsonaro pede 15 minutos para se explicar no JN

Caso Marielle: Bolsonaro pede 15 minutos para se explicar no JN

Política
Em nova entrevista exclusiva à Record, presidente Jair Bolsonaro criticou mais uma vez a Globo pela exibição de uma reportagem no Jornal Nacional que associou o seu nome às investigações do assassinato da vereadora Marielle Franco. Embora tenha falado sem os gritos e surtos, com em seu tom completamente descontrolado em uma live no dia seguinte à reportagem, o presidente teceu palavras pesadas à emissora. E acusou a mesma de persegui-lo. Bolsonaro não considera o caso encerrado, mirando seu foco também no governador do Rio, Wilson Witzel. "Porque não pode uma emissora de televisão, como a Globo, jogar um balde de coisa suja em cima de mim, naquela matéria da semana passada, e depois fica por isso mesmo. A Rede Globo de Televisão tem que explicar quem é que vazou um processo que cor
Record publica pesquisa falsa com Bolsonaro sendo eleito com 75% dos votos

Record publica pesquisa falsa com Bolsonaro sendo eleito com 75% dos votos

Política
Pesquisas oficiais, sérias, como as realizadas por grandes institutos como o DataFolha ou Ibope, realizam uma amostragem: proporcionalmente, o universo dos investigados é semelhante ao total questionado. Se o Brasil tem 51,7% de mulheres, os indagados pela pesquisa respeitam essa proporção. O mesmo para a escolaridade, classe social e outros pontos. Todos os critérios, semelhantes a estes, precisam ser apresentados para se validar uma pesquisa. Entretanto, a Record, que tem apoio do presidente Jair Bolsonaro, vide todas as suas entrevistas exclusivas e a proximidade com Edir Macedo, publicou no fim de outubro "uma pesquisa realizada pela internet (...) por meio do site Strawpool, com votos de internautas". Amostragem e relevância zero. E deu ao presidente uma esmagadora vi