28 de maio de 2022Informação, independência e credibilidade
Maceió

Vigilância Sanitária apreende 350kg de alimentos impróprios e interdita duas avícolas em Maceió

Trabalho contou com orientações sobre protocolos sanitários contra a Covid-19 no estádio Rei Pelé

Vigilância Sanitária apreende 350kg de alimentos impróprios e interdita duas avícolas em Maceió
Duas avícolas são interditadas na capital. Foto: VSM
A Vigilância Sanitária segue com os trabalhos de fiscalização em estabelecimentos comerciais de Maceió para garantir a promoção da saúde dos maceioenses.

Neste fim de semana, a atuação do órgão resultou na apreensão de 350 kg de carne bovina e queijos estragados, ou fora do prazo de validade, em frigoríficos e laticínios da Levada, além da interdição de duas avícolas nos bairros Jacintinho e Levada.

Nas fiscalizações, que aconteceram neste fim de semana, as equipes da Vigilância de Maceió circularam por mercados públicos, frigoríficos, laticínios e avícolas da cidade para verificar itens como condições de armazenamento, refrigeração, manipulação, conservação e comercialização dos alimentos.

“Encontramos duas avícolas funcionando em local altamente insalubre, que colocava a saúde dos consumidores em risco. Equipamentos inadequados para uso e higienização precária também foram flagrados nos estabelecimentos. Além disso, frigoríficos e laticínios, localizados no bairro Levada, vinham comercializando carnes e queijos com a qualidade totalmente comprometida e, por esse motivo, retiramos a mercadoria de circulação”. Airton Santos, coordenador da Vigilância Sanitária.

Todos os locais onde foram recolhidos alimentos impróprios para consumo foram notificados e poderão  receber multa que varia de R$ 180 a R$ 19 mil, a depender da gravidade do caso. Os estabelecimentos interditados terão 30 dias para se adequar às normas sanitárias e, só então, voltar a funcionar.

Orientações educativas contra a Covid-19

A ação do fim de semana contou, ainda, com orientações sobre protocolos sanitários contra a Covid-19 para maceioenses que frequentavam o estádio Rei Pelé, no Trapiche da Barra. Também foram distribuídas máscaras de proteção individual em pontos de grande circulação de Maceió.

Disque Denúncia e WhatsApp

Para denunciar irregularidades observadas em estabelecimentos, fora das adequações sanitárias e que causam riscos à saúde da população, é possível entrar em contato no telefone (82) 3312-5495, de segunda a sexta-feira, das 7h às 13h, ou pelo WhatsApp (82) 98705-0730, que funciona 24h, todos os dias.