26 de junho de 2022Informação, independência e credibilidade
Mundo

Crise na Venezuela: Guaidó vai se reunir com Bolsonaro no Brasil

Ele segue sem saber como retornará ao seu país após acompanhar tentativa frustrada de entrega de ajuda

Já reconhecido por mais de 50 países como presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó visitará o Brasil, como confirmado pelo pelo vice-presidente Hamilton Mourão, e deve chegar em Brasília às 22h desta quarta-feira.

O líder anti-chavista, terá um encontro com o presidente Jair Bolsonaro, para uma visita de agradecimento a Bolsonaro e conversar sobre uma possível transição no país sul-americano em crise.

O Brasil, junto à Colômbia e com coordenação dos EUA, ajudou na tentativa frustrada de entrada de ajuda humanitária no país vizinho.​

Guaidó e seus assessores também querem discutir o retorno do presidente autoproclamado à Venezuela, uma vez que o opositor estava impedido de sair do país pelo regime do ditador Nicolás Maduro.

Crise

Guaidó levou mais de 40 horas para cruzar a fronteira entre a Venezuela e a Colômbia e teve a ajuda de contatos nas Forças Militares. Agora, as atenções do regime sobre seus passos seriam maiores.

Após a tentativa frustrada de entrada de ajuda humanitária na Venezuela, Guaidó participou na segunda-feira (25) de reunião do Grupo de Lima em Bogotá que discutiu a crise na Venezuela.

A declaração final do fórum que reúne 14 países das Américas descartou qualquer intervenção militar para tirar Maduro do poder, mensagem endossada pelo vice-presidente brasileiro.