18 de janeiro de 2022Informação, independência e credibilidade

Autor: Thiago Sampaio

Ameaça de paralisação de Servidores da Receita pode chegar aos portos do Brasil

Ameaça de paralisação de Servidores da Receita pode chegar aos portos do Brasil

Política
A insistência do presidente Jair Bolsonaro em beneficiar apenas agendes federais da área de segurança com reajuste salarial pode implicar em uma grande paralisação nacional. O Palácio do Planalto, inclusive, já se mobiliza amanhã (18) com reuniões para se preparar para as mobilizações dos servidores federais, descontentes com o governo. A Receita Federal é justamente o órgão em que se dá como certa a greve. O receio do entorno do presidente é que a expansão dos atos para greve e possível contágio em outras carreiras possam impactar ainda mais na rejeição ao presidente, na casa de 60%. Segundo George Souza, do Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita, já se fala inclusive em extensão da mobilização para portos e aeroportos. Nos portos, já é dado como certo, enquanto que até m
Eduardo Bolsonaro diz que Djokovic “optou pela liberdade” e que é ‘líder mundial’ antivacina

Eduardo Bolsonaro diz que Djokovic “optou pela liberdade” e que é ‘líder mundial’ antivacina

Política
Mesmo com o mundo avançando no segundo ano de pandemia da Covid-19, o tenista sérvio Novak Djokovic, atual melhor do mundo, foi deportado da Austrália e está fora da disputa do Australia Open, primeiro Grand Slam do ano. Foram vários dias de discussões legais, que julgaram o mérito da autorização do tenista em território australiano, mesmo sem que tenha sido vacinado. Ele, claro, perdeu o visto e acabou sendo deportado neste domingo, na véspera da abertura do torneio. Ao seu lado, apenas negacionistas, promotores de mentiras e demais irresponsáveis, que fazem campanha contra vacinação. Imbecilidade, não é mesmo? Entre seus defensores, está Eduardo Bolsonaro, deputado federal por São Paulo. Assim como seu pai, o presidente Jair Bolsonaro, o filho 03 é mais um que tenta entrar n
Inquérito aponta culpa da Equatorial por morte de adolescente na Praia da Sereia

Inquérito aponta culpa da Equatorial por morte de adolescente na Praia da Sereia

Policia
Segundo inquérito assinado pelo delegado Robervaldo Davino, do 6º Distrito da Capital, a morte da adolescente Janice Santos de Vasconcelos, de 13 anos, que morreu eletrocutada na Praia do Mirante da Sereia, no Litoral Norte de Maceió, foi culpa da Equatorial. Esta foi a conclusão da investigação, que teve seu relatório já enviado para a Justiça. "Não podemos indiciar a companhia por se tratar de uma empresa e a legislação penal não permite que se indicie empresas”, disse o delegado no inquérito. Janice morreu em 22 de agosto do ano passado, ao tentar socorrer um menino de 8 anos que havia pisado em um fio desencapado. Ela estava na companha da família ao receber a descarga e chegou a ser socorrida ao Hospital Geral do Estado (HGE), mas não resistiu e faleceu. O cabo energizado
TJ mantem liminar do Governo de AL e nega recurso da Petrobras para aumentar preço do gás

TJ mantem liminar do Governo de AL e nega recurso da Petrobras para aumentar preço do gás

Justiça
Com nova decisão liminar em favor do Gás de Alagoas S/A – Algás, negando o recurso da Petrobras que novamente impede reajuste do gás natural em Alagoas, o governo do Estado segue proibindo o aumento do preço. Essa decisão foi tomada pela Desembargadora Elisabeth Carvalho Nascimento, do Tribunal de Justiça de Alagoas, nesta quinta-feira (13). Esta sentença possibilitou uma economia de R$ 144 milhões só em janeiro para a Algás, mantendo as empresas que usam gás natural no estado de Alagoas, representando a garantia de mais de 3.500 postos de trabalho. O Estado de Alagoas conseguiu decisão liminar em favor do Gás de Alagoas S/A – Algás, proibindo assim a Petrobras de aumentar o preço do gás natural destinado aos usuários de gás canalizado no estado. Essa decisão foi tomada pelo juiz Pedro
Exame/Ideia aponta Lula com 41% e Bolsonaro 24% no 1º turno

Exame/Ideia aponta Lula com 41% e Bolsonaro 24% no 1º turno

Política
Pesquisa eleitoral do Instituto Ideia, contratada pela revista Exame, divulgada nesta quinta (13), mostra que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) chega a 41% das intenções de voto no primeiro turno, contra 24% do presidente Jair Bolsonaro (PL). O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro (Podemos), tem 11%, seguido do ex-governador Ciro Gomes (PDT), com 7%, e do governador de São Paulo, João Doria (PSDB), com 4%. Moro e Ciro estão tecnicamente empatados, dentro da margem de erro de três pontos percentuais, para mais ou para menos. Pela mesma margem, Doria fica tecnicamente empatado com Ciro. Além disso, o petista venceria qualquer adversário em um eventual segundo turno. Primeiro turno Na pesquisa estimulada, quando os candidatos são apresentados
MPT considera pouco 5 dias de isolamento para infectados

MPT considera pouco 5 dias de isolamento para infectados

Justiça
O procurador-geral do Ministério Público do Trabalho (MPT), José de Lima Ramos Pereira, alertou nesta quinta-feira que as empresas de todos os setores - sem exceção - precisam respeitar o tempo mínimo de afastamento dos trabalhadores que testaram positivo para covid-19. No início da semana, o Ministério da Saúde reduziu o período de quarentena para sete dias em caso de pacientes assintomáticos ou com sintomas leves, mas liberou a volta ao trabalho em apenas cinco dias em caso de teste negativo após esse período, mantendo o uso de máscaras e o distanciamento social. "Temos a preocupação de que o período de isolamento seja preservado. São os especialistas que vão definir isso e não o MPT. A Sociedade Brasileira de Infectologia recomenda uma média de sete dias para afastamento de pess
Com quase 100 mil novos casos de covid em 24 h, Saúde pede uso de autoteste na Anvisa

Com quase 100 mil novos casos de covid em 24 h, Saúde pede uso de autoteste na Anvisa

Brasil
Nas últimas 24 horas, o Brasil registrou 97.221 novos casos conhecidos de covid-19. A média móvel de casos está em alta desde 29 de dezembro e hoje ficou em 60.072. Desde março de 2020, o Brasil teve 22.815.827 casos conhecidos da doença a partir de testes. Mesmo alto, esses números ainda podem estar subnotificados porque os dados da pandemia no Brasil ainda sofrem impacto do apagão nos sistemas do Ministério da Saúde, alvo de um ataque hacker em dezembro. Com uma aceleração inédita durante a pandemia, o número de casos conhecidos de covid-19 explodiu esta semana no país, o que fez a média móvel de sete dias superar o pico da primeira onda registrada em 2020. A projeção é que, nos próximos dias, o número de casos supere o recorde da segunda onda. Autoteste Ciente disso,
‘O Brasil tem crescido. No ano passado, o crescimento foi negativo’, diz Bolsonaro em live

‘O Brasil tem crescido. No ano passado, o crescimento foi negativo’, diz Bolsonaro em live

Política
O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quinta-feira (13) que seu governo “desperta a atenção do mundo todo” e “a confiança do investidor estrangeiro”. Como de costume, ele não mencionou dados para justificar as alegações. E celebrou até um “crescimento negativo”. “Completamos três anos de governo, dois em pandemia. De três anos, dois em guerra, em mar revolto. E, assim mesmo, o Brasil tem crescido. No ano passado, o crescimento foi negativo, mas todos esperavam -10%, mas foi -4%”. Jair Bolsonaro, na live semanal. Ele se refere ao Produto Interno Bruto de 2020, que tombou 4,1% na comparação com o ano anterior, o maior recuo anual da série iniciada em 1996. Essa queda interrompeu o crescimento de três anos seguidos, de 2017 a 2019, quando o PIB acumulou alta de 4,6%. No fim de deze
Índice aponta Maceió como capital com a 2ª maior alta do valor de imóveis do Brasil

Índice aponta Maceió como capital com a 2ª maior alta do valor de imóveis do Brasil

Política
O aquecimento do mercado imobiliário se refletiu em 2021 no maior aumento do preço médio do imóvel em sete anos: 5,29%, segundo dados do Índice FipeZAP+ com base em anúncios na internet. Mas, em muitos casos, o valor médio aumentou ainda acima desse patamar: em 14 das 50 maiores cidades do país que fazem parte do indicador, o reajuste acumulado no ano passado superou a inflação projetada de 9,68%, medida pelo IPCA, do IBGE (o dado exato será conhecido nesta terça-feira, dia 11, com a divulgação do IPCA de dezembro). Em cinco das dezesseis capitais monitoradas, a variação do preço médio dos imóveis ficou muito acima dos 10% em 2021. A maior alta foi registrada em Vitória, no Espírito Santo, com quase 20% (19,86% no dado mais exato), seguida por Maceió, em Alagoas, com 18,50%.
Associação de cruzeiros decide manter suspensão de temporada e mais 3 deixam de vir a Maceio

Associação de cruzeiros decide manter suspensão de temporada e mais 3 deixam de vir a Maceio

Alagoas
A Associação Brasileira de Navios de Cruzeiros (Clia) informou hoje (13) ter prolongado a suspensão voluntária das operações nos portos brasileiros até 4 de fevereiro. Com isso, mais três navios deixarão de atracar em Alagoas nesta temporada. Ao todo, o número de cruzeiros que deixarão de passar por Alagoas em 2022 já chega a sete. Os três novos navios que deixarão de atracar na capital alagoana chegariam nos dias 26 de janeiro, 1º e 2 de fevereiro. De acordo com o calendário da temporada, a chegada de cruzeiros em Maceió está prevista para acontecer até o dia 13 de abril deste ano. A medida foi tomada após a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) ter recomendado ontem (12) a suspensão definitiva da temporada de cruzeiros turísticos no país, em razão do "aumento exponenci