24 de maio de 2022Informação, independência e credibilidade
Política

Na capa da Time, Lula diz que Zelenski é tão responsável quanto Putin pela Guerra

Entrevistado por revista americana, petista disse ainda que Bolsonaro estimula o racismo

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é a capa da revista norte-americana Time, uma das mais prestigiadas do mundo, em edição da publicação com data de 23 de maio.

E entrevistado pela revista, o petista disse considerar o presidente da Ucrânia, Volodimir Zelenski, tão responsável quanto o russo Vladimir Putin pela guerra em seu país.

​”Fico vendo o presidente da Ucrânia na televisão como se estivesse festejando, sendo aplaudido em pé por todos os parlamentos, sabe? Esse cara é tão responsável quanto o Putin. Ele é tão responsável quanto o Putin. Porque numa guerra não tem apenas um culpado”. Lula.

Afirmando que os EUA e a União Europeia estimularam o conflito, Lula também fez duras críticas à ONU, que, segundo ele, “não representa mais nada” e “não é levada a sério pelos governantes”.

“Putin não deveria ter invadido a Ucrânia. Mas não é só o Putin que é culpado, são culpados os Estados Unidos e é culpada a União Europeia. Qual é a razão da invasão da Ucrânia? É a Otan? Os Estados Unidos e a Europa poderiam ter dito: ‘A Ucrânia não vai entrar na Otan’. Estaria resolvido o problema”.

Segundo Ato

Segundo a Time, Lula prepara seu “segundo ato”, a nova etapa de sua vida política. No enunciado, a revista afirma que o “presidente mais popular do Brasil retorna do exílio político com uma promessa de salvar a nação”.

Ele também falou na entrevista sobre o atual presidente, Jair Bolsonaro (PL), afirmando que o atual mandatário do país estimula o racismo.

“Não diria que ele tem culpa pelo racismo porque o racismo é crônico no Brasil. Mas ele estimula. O Bolsonaro despertou o ódio, despertou o preconceito. Aí tem outros presidentes também na Europa, na Hungria, [que fazem o mesmo]; está aparecendo muito fascista, muito nazista no mundo.”

O último brasileiro a estampar a capa da revista Time foi o jogador de futebol Neymar, em 2013. Antes, seis presidentes também foram destaque no periódico: Júlio Prestes (1930), Getúlio Vargas (1940), Café Filho (1954), Juscelino Kubitschek (1956), Jânio Quadros (1961) e Costa e Silva (1967).