20 de janeiro de 2022Informação, independência e credibilidade
Brasil

O que disseram os alvos da PF ontem, sobre Witzel, e hoje, sobre o inquérito contra eles

Pimenta nos olhos dos outros é refresco

O ex-deputado e presidente do PTB, Roberto Jefferson, o dono da Havan, Luciano Hang, e os ativistas Allan dos Santos e Sara Winter, foram alvos do inquérito da Polícia Federal contra fake news teve como alvos, nesta quarta (27), além de oito deputados bolsonaristas:

Bia Kicis (PSL-DF), Carla Zambelli (PSL-SP), Daniel Lúcio da Silveira (PSL-RJ), Filipe Barros (PSL-PR), Junio do Amaral (PSL-MG), Luiz Philippe Orleans e Bragança (PSL-SP), além dos deputados estaduais Douglas Garcia (PSL-SP) e Gil Diniz (PSL-SP).

Curiosamente, um dia antes houve uma operação da PF em que Wilson Witzel, governador do Rio, foi o alvo. E quem esteve na mira hoje, mudou completamente seu discurso, já que ontem pareciam ter até se divertido. Confira algumas delas: