29 de novembro de 2021Informação, independência e credibilidade
Marcelo Firmino

O Virgulino, em Olho D’Água: um bom lugar para o turista no alto sertão

Olho D’Água do Casa recebe hotel de boa estrutura e bom atendimento

O Virgulino – um bom lugar para espantar o estresse no clima do sertão.

Nem tudo é seca no sertão alagoano. O viajante, cansado nas estradas, de repente pode se deparar com um bom lugar para livrar-se do estresse e acalmar corpo e mente.

E se for um turista ávido pela natureza, melhor ainda.

Há 10 minutos da beira do canyon do velho Chico fica o Hotel Virgulino, dentro da cidade de Olho D’Água do Casado. Para o ambiente sertanejo pode-se dizer que se trata de um óasis no meio da caatinga.

No roteiro turístico da trilha do cangaço, o hotel se apresenta como espaço charmoso, próprio para quem quer desfrutar da tranquilidade.

Recém-inaugurado, O Virgulino é fruto de um projeto ousado de empresários olhodaguenses, Airton Bezerra Lima e Andrei Bezerra Lima – pai e filho – que apostam no turismo da região e sonham com um Olho D’Água desenvolvido.

“Isso aqui quando começamos a construir disseram que estávamos loucos. Mas, hoje as pessoas percebem e se orgulham do espaço e da ousadia que meu pai teve de investir neste projeto”, disse Andrei Lima, responsável pelo gerenciamento do hotel.

Satisfeito com o resultado do investimento que tem 16 apartamentos, Airton Lima decidiu ampliar o negócio. Tanto que está construindo mais 20 apartamentos com uma estrutura ainda melhor do que o projeto original.

O Virgulino tem seu charme, mas o diferencial está no atendimento proporcionado por pai e filhos aos hóspedes que chegam.

Este final de semana a cantora Luciene Melo, da banda Forró das Antigas, fez show na cidade e se hospedou no Virgulino. Feliz, ela gravou um storie no Instagran valorizando o lugar em que ficou hospedada.

Enfim, o Virgulino é um bom lugar.

Olho d’Água do Casado é um município brasileiro localizado no semiárido do estado de Alagoas.  Sua população recenseada em 2010 pelo IBGE é de 8.491 habitantes.

Possui uma área de 322,264,3 km².

Limita-se ao norte com o município de Inhapi, ao sul com Sergipe, a leste com o município de Piranhas e a oeste com os municípios de Água Branca e Delmiro Gouveia.

O município recebe esse nome devido ao fazendeiro que se chamava José de Melo Casado, cuja fazenda tinha fontes de água, e que abastecia a população, por isso dar-se o nome de Olho d´Água do Casado.

Graças aos canyons do rio São Francisco, o município desperta agora para as políticas públicas do turismo na região.

Airton e Andrey: novos projetos adiantados