19 de outubro de 2021Informação, independência e credibilidade
Policia

Operação da PF em AL cumpre mandados contra fraude na aquisição de medicamentos

Esquema pode ter resultado em, no mínimo, 14 mortes e prejuízo de R$ 20 milhões

A Polícia Federal deflagrou a Operação Pés de Barro, nesta terça-feira (21), cumprindo 15 mandados de busca e apreensão em Alagoas, Distrito Federal, Minas Gerais, Pernambuco e São Paulo, para apurar fraudes na aquisição de medicamentos de alto custo por força de decisão judicial via Ministério da Saúde.

Os crimes ocorreram entre os anos de 2016 e 2018 e envolveram a aquisição dos medicamentos de alto custo Aldurazyme, Fabrazyme, Myozyme, Elaprase e Soliris/Eculizumabe pela Diretoria de Logística em Saúde do Ministério. O esquema, segundo a PF, pode ter resultado em, no mínimo, 14 mortes e prejuízo de R$ 20 milhões.

A informação sobre os óbitos foi prestada por associações e familiares de vítimas, que afirmaram aos policiais que elas morreram sem acesso a uma última tentativa de tratamento médico.

Os envolvidos podem responder pelos crimes de fraude à licitação, estelionato, falsidade ideológica, corrupção passiva, prevaricação, advocacia administrativa e corrupção ativa.