29 de julho de 2021Informação, independência e credibilidade
Brasil

Oxigênio da Venezuela chega em Manaus e Bolsonaro diz que país vizinho passa fome e come cachorro

Cinco veículos percorreram mais de 1.500 quilômetros de estrada entre o estado venezuelano de Bolívar e a capital do Amazonas

Cinco caminhões com oxigênio doado pela Venezuela chegaram na noite desta terça (19) a Manaus (AM), cidade que enfrenta o desabastecimento de insumos hospitalares em meio ao repique de casos da Covid-19.

Os caminhões, que carregam 107 mil m³ de oxigênio, percorreram mais de 1.500 quilômetros de estrada entre o estado venezuelano de Bolívar e a capital amazonense.

A ajuda humanitária chega após vários pacientes morrerem asfixiados em Manaus e em cidades do interior do Amazonas, além de em cidades no oeste do Pará. A demanda diária do Amazonas é de cerca de 76 mil m³ de oxigênio hospitalar, mas as empresas fornecedoras não conseguem produzir mais de 28.200 m³ por dia.

O ditador Nicolás Maduro disse no domingo (17) que a crise de saúde em Manaus é um “escândalo” e que a “Venezuela estendeu sua mão solidária ao povo do Amazonas”. O presidente Jair Bolsonaro respondeu com ironia.

One Comment

Comments are closed.