20 de janeiro de 2021Informação, independência e credibilidade
Mundo

Policiais são confundidos com strippers antes de festa de swing se interrompida

Caso aconteceu em uma fazenda na Rota 226 em Sierra de los Padres, em festa com aproximadamente 20 casais

Cerca de 20 casais com idades entre 40 e 50 anos participavam da festa de swing. Foto: Clarín

Policiais invadiram uma festa de swing em Sierra de los Padres, na Argentina, para impedir festas e aglomerações em meio à pandemia do novo coronavírus.

E durante a ação, alguns dos participantes do evento os confundiram com strippers. Segundo o jornal Clarín, os participantes confundiram os oficiais durante o evento que ocorria na madrugada do último domingo.

“A situação era muito bizarra, mas dentro de todas as coisas que nos tocaram isso era engraçado. Todas as pessoas foram muito educadas, mas no começo nos confundiram com o pessoal do show. Eles pensaram que estávamos vindo para atuar como strippers”. Policial em relato ao Clarín.

O caso aconteceu em uma fazenda na Rota 226 em Sierra de los Padres, onde aproximadamente 20 casais estavam sentados em uma enorme mesa e bem vestidos supostamente aguardando a chegada de strippers.

Segundo o Subsecretário do município de General Pueyrredón, Gustavo Jara, no local acontecia uma tour sexual que saiu do Mar del Plata e pretendia realizar uma festa de swing.

Lá, os policiais foram recebidos com olhares estranhos e outros gestos “sorridentes”. “Você me esquenta”, disse uma mulher de 45 anos a um dos policiais que realizavam a operação.

Entre todos os participantes do evento estavam casais com idades entre 40 e 50 anos da cidade de Buenos Aires. Eles foram notificados acerca da violação do decreto do governo nacional que impede aglomeração em meio à pandemia.