24 de setembro de 2020Informação, independência e credibilidade

Tag: Weintraub

Weintraub é confirmado no Banco Mundial pela diretoria do conselho

Weintraub é confirmado no Banco Mundial pela diretoria do conselho

Brasil
O Banco Mundial divulgou um comunicado, na noite desta quinta-feira, em que confirma que o ex-ministro da Educação Abraham Weintraub foi aceito para o cargo de diretor-executivo no conselho da instituição. "O Banco Mundial confirma que o Sr. Abraham Weintraub foi eleito pelo grupo de países (conhecido como constituency) representando Brasil, Colômbia, República Dominicana, Equador, Haiti, Panamá, Filipinas, Suriname e Trinidad e Tobago para ser Diretor Executivo no Conselho do Banco". Nota do Banco. Ele deve assumir seu cargo na primeira semana de agosto e cumprirá o atual mandato que termina em 31 de outubro de 2020, quando a posição será novamente aberta para eleição. A instituição fez questão de ressaltar no curto comunicado que o cargo de Weintraub não o torna funcionário
Carlos Decotelli, ex-presidente do FNDE, é o novo Ministro da Educação

Carlos Decotelli, ex-presidente do FNDE, é o novo Ministro da Educação

Brasil
O presidente Jair Bolsonaro anunciou o ex-presidente do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação) Carlos Decotelli, de 67 anos, para ser ministro da Educação. https://twitter.com/jairbolsonaro/status/1276221599897845760 Oficial da reserva da Marinha e o primeiro ministro negro do governo Bolsonaro, ele vai suceder Abraham Weintraub, que foi demitido da pasta na semana passada após uma série de desgastes com o STF. Decotelli é considerado de perfil conciliador e moderado por pessoas próximas. Ele comandou o FNDE de fevereiro de 2019 até agosto do ano passado. Decotelli foi indicado pela cúpula militar, em uma sugestão dos almirantes do governo. Ele também contou com o apoio do ministro da Economia, Paulo Guedes, com quem atuou no passado no IBMEC (Instituto Brasileiro
Funcionários não querem o “racista” Weintraub no Banco Mundial

Funcionários não querem o “racista” Weintraub no Banco Mundial

Política
A associação dos funcionários do Banco Mundial (Bird) enviou nesta quarta-feira uma carta ao comitê de ética da instituição contrária à nomeação do ex-ministro da Educação Abraham Weintraub para o cargo de diretor-executivo do banco. A entidade representativa pede que a indicação seja suspensa até que acusações contra o economista brasileiro sejam analisadas pelo comitê. A associação afirma que "muitos funcionários estão profundamente perturbados" com algumas atitudes do ex-ministro, entre elas o tweet em que culpa a China pela pandemia do novo coronavírus . A carta também menciona o fato de Weintraub ter sugerido a prisão de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e de ter feito pronunciamentos públicos contrários aos direitos de minorias e a promoção da equidade racial
Maia: Weintraub é o exilado na história que tem apoio do governo

Maia: Weintraub é o exilado na história que tem apoio do governo

Política
O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), ironizou nesta terça-feira (23) a rápida saída de Abraham Weintraub do país e afirmou ser o primeiro caso de uma pessoa que diz ser perseguida, mas conta com apoio do governo. As declarações foram dadas em entrevista antes da sessão realizada para votar o projeto que muda o código de trânsito brasileiro. Weintraub viajou na sexta-feira (19) para Miami e já se encontrava nos EUA na manhã de sábado (20), horas antes de a exoneração ser oficializada no Diário Oficial da União. Nesta terça, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) retificou a data de demissão do ex-ministro e estabeleceu que a exoneração passou a valer na sexta-feira. Nesta terça, Maia questionou o porquê da saída rápida do ex-ministro. “Eu não entendi por que...ele
Justiça Federal obriga Bolsonaro a usar máscara

Justiça Federal obriga Bolsonaro a usar máscara

Brasil, Expresso
A Justiça Federal agora obriga o presidente Jair Bolsonaro a usar máscara em espaços públicos do Distrito Federal. Caso ele descumpra a medida, receberá pena de multa diária de R$ 2 mil. A decisão aconteceu após uma ação civil pública movida por advogado. A determinação exigirá o uso do item de proteção por servidores e colaboradores do governo federal enquanto estiverem em serviço. "A conduta omissiva da União e do Distrito Federal e a conduta irresponsável do presidente tendem a, em um universo curto de tempo, esvaziar em boa parte as medidas de prevenção adotadas, fazendo com que o Distrito Federal, que tem um dos mais baixos números de mortos, passe a assistir o incremento deste infausto indicativo". Trecho da ação popular. Máscaras O uso do item de proteção é obrigatór
Guedes não vai se esforçar para ajudar Weintraub no Banco Mundial

Guedes não vai se esforçar para ajudar Weintraub no Banco Mundial

Brasil
O ministro da Economia, Paulo Guedes, acredita que Abraham Weintraub enfrentará resistência para sua indicação no posto de diretor-executivo do Banco Mundial. E caso haja um veto, o Brasil terá que fazer outra indicação para a vaga. Guedes já confidenciou que, em caso de entraves, entregará uma nova sugestão sem fazer esforços para defender Weintraub. O Palácio do Planalto, no entanto, insiste na manutenção do ex-ministro da Educação no cargo. O Brasil integra o Banco Mundial por meio de um consórcio com outros oito países. São eles Colômbia, República Dominicana, Equador, Haiti, Panamá, Filipinas, Suriname e Trinidad e Tobago. Cada um deles adquiriu cotas em conjunto para integrar o organismo multilateral. De acordo com elas, eles têm o direito de ocupar cargos na instituição.
Após escapulida para os EUA, Weintraub agradece e diz que foi no KFC ao invés do Taco Bell

Após escapulida para os EUA, Weintraub agradece e diz que foi no KFC ao invés do Taco Bell

Brasil
https://twitter.com/AbrahamWeint/status/1275036194913607681 O deboche não tem fim: o ex-ministro da educação Abraham Weintraub agradeceu a ajuda para deixar o Brasil em uma mensagem nas redes sociais na manhã desta segunda. Ele chegou a Miami, nos Estados Unidos, no último sábado. Depois de dizer que sairia do Brasil dentro de poucos dias e um senador pedir seu passaporte no STF, o ex-ministro da Educação, ele viajou já nesta sexta-feira (19). Deixou o país no mesmo dia em que o senador Fabiano Contarato (Rede-ES) protocolou no Supremo um pedido de apreensão do passaporte para evitar que ele saísse do país. https://twitter.com/Ana_Flor/status/1274335214953734144 O ex-ministro do governo Bolsonaro é alvo do inquérito das fake news, que tramita no Supremo, e também é investigado
Para evitar inquérito do STF, Weintraub já se mandou do Brasil e agora está nos EUA

Para evitar inquérito do STF, Weintraub já se mandou do Brasil e agora está nos EUA

Política
https://twitter.com/ArthurWeint/status/1274312889881505794 Após a ameaça, a saída: depois de dizer que sairia do Brasil dentro de poucos dias e um senador pedir seu passaporte no STF, o ex-ministro da Educação, Abraham Weintraub, já deixou o país. A confirmação vem de seu irmão, Arthur Weintraub: ele viajou e se encontra em Miami. De acordo com a assessoria de imprensa do MEC, Weintraub viajou ainda nesta sexta-feira (19). Ele deixou o país no mesmo dia em que o senador Fabiano Contarato (Rede-ES) protocolou no Supremo um pedido de apreensão do passaporte para evitar que ele saísse do país. https://twitter.com/Ana_Flor/status/1274335214953734144 O ex-ministro do governo Bolsonaro é alvo do inquérito das fake news, que tramita no Supremo, Weintraub também é investigado no tribun
Weintraub diz que sairá “o mais rápido possível” do Brasil e Senador pede seu passaporte

Weintraub diz que sairá “o mais rápido possível” do Brasil e Senador pede seu passaporte

Brasil
O ex-ministro da Educação, Abraham Weintraub, disse que deixará o Brasil "o mais rápido possível, em poucos dias", e que, por isso, não quer "brigar" com ninguém. Mas alertou pedindo que não o provoquem. https://twitter.com/AbrahamWeint/status/1273948380859949057 Após deixar o cargo de ministro, ele deve assumir um cargo de diretor do Banco Mundial em Washington (Estados Unidos), com um salário de aproximadamente R$ 115 mil por mês. Passaporte Após esta postagem, o senador Fabiano Contarato (Rede-ES) protocolou, no STF (Supremo Tribunal Federal), um pedido para que o ex-ministro da Educação seja proibido de sair do país. A medida cautelar também pede a apreensão do passaporte do ex-ministro, assim como qualquer documento de viagem emitido em nome de Weintraub. Weintra
Ao lado de Bolsonaro, Weintraub anuncia saída do Ministério da Educação

Ao lado de Bolsonaro, Weintraub anuncia saída do Ministério da Educação

Política
O ministro da Educação, Abraham Weintraub, anunciou nesta quinta-feira (18) que deixará o cargo. Ele confirmou a saída em um vídeo ao lado do presidente Jair Bolsonaro. https://twitter.com/AbrahamWeint/status/1273691321430167559?s=19 O governo pretende indicar Weintraub para o Banco Mundial, em Washington, onde o Brasil lidera um grupo de nove países e, sendo o maior acionista, tem a prerrogativa de indicar o diretor da área. Weintraub assumiu o cargo em abril de 2019, após a saída de Ricardo Vélez Rodríguez, e permaneceu no posto por 14 meses. No período, acumulou desafetos e disputas públicas com diversos grupos sociais – entre eles, a comunidade judaica e a representação da China no Brasil. Mais recentemente, em encontro com o presidente Bolsonaro e outras autoridades do Exe