28 de junho de 2022Informação, independência e credibilidade
Esportes

Bahia é bicampeão estadual em final marcada pelo VAR

Gilberto marcou o gol do título e o goleiro Anderson, na segunda etapa, pegou um pênalti de Vitinho e garantiu a 48ª taça estadual

Gol do Bahia
Gilberto comemora gol. Foto: EC Bahia

O Bahia venceu mais uma vez o Campeonato Baiano, desta vez com participação do VAR. O Tricolor de Aço venceu Bahia de Feira por 1 a 0. De pênalti, Gilberto marcou o gol do título e o goleiro Anderson, na segunda etapa, pegou um pênalti de Vitinho e garantiu a 48ª taça estadual.

Intimidado, o Bahia de Feira só fazia se defender. Tendo empatado o primeiro jogo fora, o Bahia da Capital precisava de um triunfo simples. Porém, apesar do ímpeto agressivo, o primeiro tempo acabou zerado.

Na volta do intervalo, o árbitro de vídeo roubou oi destaque do duelo. Aos três, Éric foi derrubado na grande área. Luiz Flávio de Oliveira, árbitro, não viu e mandou seguir. Após o lance, ele foi chamado para consulta pela comissão do VAR.

Quatro minutos depois, o pênalti foi marcado. Na cobrança, aos 8, Gilberto deslocou Jair e abriu o placar. O resultado garantia o título aos soteropolitanos, mas o Tremendão não se entregou. Aos 20 minutos, veio a segunda chamada em lance de pênalti.

Após falta cobrada por Vitinho, a bola tocou na mão de Gilberto, dentro da área. Na análise das imagens, novo pênalti marcado. Na cobrança, Vitinho mandou bem, no canto direito, mas Anderson cresceu e fez linda defesa. No rebote, Victor Hugo chutou e o guarda-redes fez outro milagre.

A penalidade perdida inverteu a situação do jogo. Enquanto o Bahia cresceu e ganhou confiança, o Bahia de Feira acabou diminuindo o ritmo. E foi só esperar o apito final para comemorar o título, com a taça em mãos.