21 de janeiro de 2022Informação, independência e credibilidade
Alagoas

Aluno do Senac ganha bolsa de estudos em escola de arte na França

Paulo Accioly cursa francês e é o único brasileiro a compor a turma do curso pela Escola de Arte École Kourtrajme

O alagoano Paulo Accioly, 27, aluno do curso de Francês do Senac Alagoas, é o único brasileiro a compor a turma do curso de Arte e Imagem promovido pela Escola de Arte École Kourtrajme, do artista francês Jean Réné, o JR, conhecido mundialmente por suas colagens fotográficas e intervenções.

Após uma seleção que envolveu 650 inscritos de todo o mundo, dentro da qual ele teve que apresentar um vídeo em francês e, logo após, passar por uma entrevista, via Skype, também no idioma europeu, Paulo foi comunicado sobre a aprovação pelo próprio artista europeu.

“Ainda estou sem acreditar. Fui um dos treze selecionados. É inacreditável!. Quero ser como o professor JR, que tem projetos no mundo inteiro, é francês, mas está em Nova York, no Brasil, em Cuba, na China, no Oriente Médio… Sou muito fã desse estilo de vida. Não quero ter uma casa, eu quero que o mundo seja minha casa”. Paulo Accioly, fotógrafo freelancer.

O curso teve início no dia 20 de janeiro e segue até 30 de junho. As aulas estão sendo realizadas na região de Seine-Saint-Denis, na França, e são 100% em francês.

“Acabei de concluir o nível Intermediário 2 do curso do Senac. Depois do vídeo e da entrevista, eles atestaram a minha fluência no idioma. Sou muito grato ao Senac, uma escola que escolhi porque agrega uma excelente metodologia a um material didático incrível, além de instrutores sensacionais e um preço que cabe no bolso”. Paulo Accioly.

C’est la vie

Graduado em Engenharia Ambiental, Accioly conta que a fotografia sempre foi uma paixão. Começou fotografando animais e objetos inanimados, nas ruas, e, em 2019, lançou o livro C’est la vie (É a vida, traduzido do Francês), com imagens em preto e branco, em que conta parte de suas histórias e aventuras durante uma temporada de intercâmbio na Europa, quando ainda fazia graduação.

As páginas são intercaladas com frases e textos na composição com as imagens selecionadas. A obra foi lançada em 2018 e ficou disponível na íntegra em uma conta no Instagram, já que as edições impressas foram limitadas e esgotaram.