19 de maio de 2022Informação, independência e credibilidade
Política

Guedes é criticado sobre privatização da Petrobras e abandona pronunciamento

Ministro da Economia ficou nervoso quando grupo disse que governo está “destruindo patrimônio do povo brasileiro”

O ministro da Economia ficou com raiva e abandonou e um pronunciamento à imprensa e saiu sem responder perguntas. Ele se preparava para falar com jornalistas sobre o encontro com o novo ministro de Minas e Energia, Adolfo Sachsida, quando foi criticado por causa da Petrobras.

Leia mais: Ministro das Minas e Energia ‘paga a conta’ da alta dos combustíveis e é exonerado

Durante o pronunciamento, atrás dos jornalistas era possível ouvir um grupo protestando, dizendo “vocês vão destruir o patrimônio do povo brasileiro”. Guedes respondeu elevando a voz:

“Eu queria que todos soubessem que sempre respeitamos, estamos numa democracia, respeitamos os vencedores de eleições. Não quero falar de quem roubou a Petrobras, assaltou a Petrobras durante anos, roubaram, foram condenados, não quero falar isso. Quero simplesmente receber um programa de governo que teve 60 milhões de votos, receber um pedido do novo ministro de Minas e Energia e encaminhar o processo”.

Ele, então, encerrou o pronunciamento. Ao ouvir novas críticas, ele disse: “Nós vamos devolver ao povo brasileiro o que é deles, está certo?”, e deixou o local.

Antes do piti, Guedes disse que o pedido de Sachsida para privatizar a Petrobras será encaminhado à secretaria do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) ainda hoje.

A companhia que está para ser vendida lura quase R$ 500 milhões por dia. Especialistas acreditam que a venda da mesma não diminuirá o preço dos combustíveis – pelo contrário, pode aumentar mais ainda e seguir sem cumprir sua função social como estatal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.