22 de janeiro de 2022Informação, independência e credibilidade
Alagoas

AMA alerta cidades ribeirinhas sobre aumento recorde da vazão do Rio São Francisco

Nota técnica destaca que este volume de vazão não é observado desde 2009. 

O presidente da Associação dos Municípios Alagoanos- AMA – prefeito Hugo Wanderley está alertando aos prefeitos dos municípios ribeirinhos ao rio São Francisco, sobre a programação para escoamento dos reservatórios das hidrelétricas de Xingó, em Alagoas, e de Sobradinho, na Bahia, divulgada pela Chesf e que deve provocar elevação do nível do rio e atingir comunidades ribeirinhas.

A medida foi divulgada em carta circular e informa que a partir desta quarta-feira, (12), a vazão do rio irá aumentar e, consequentemente, a profundidade será maior e a correnteza mais forte.

A Chesf explicou que foi observado um aumento no volume de água em decorrência das chuvas dos últimos dias. A nota técnica destaca que este volume de vazão não é observado desde 2009.

“Tendo em vista que a Bacia do Rio São Francisco vivenciou um longo período de baixa hidraulicidade e que vazões liberados do Reservatório de Sobradinho da ordem de 4000m³/s não são observadas desde o ano de 2009, é fundamental chamar atenção para a importância da não ocupação de áreas ribeirinhas situadas na calha principal do rio, haja vista o período úmido em curso e a possibilidade de elevação das vazões para valores acima de 4000m³/s, a depender da evolução do quadro de chuvas na Bacia”. Trecho do informativo.