28 de maio de 2022Informação, independência e credibilidade
Brasil

Bolsonaro demite de surpresa o diretor geral da Polícia Federal

Cabeça de Paulo Maiurino foi pedida pelo ministro da Justilça, Anderson Torres

Maiurino é demitido da Polícia Federal

O presidente Jair Bolsonaro (PL) mudou nesta sexta-feira, 25, pela terceira vez, o diretor-geral da Polícia Federal, Paulo Maiurino.

O ato de exoneração do diretor foi publicado em edição extra do Diário Oficial. Bolsonaro formalizou a dispensa de  Maiurino do cargo, menos de um ano após ter assumido, em abril do ano passado, e nomeou para a função o delegado Márcio Nunes de Oliveira.

O diretor foi afastado do cargo, após uma conversa do ministro da Justiça, Anderson Torres, no Palácio do Planalto com Jair Bolsonaro.

Torres consultou o presidente a respeito da mudança e obteve o aval para efetivá-la. Essa troca pegou de surpresa a cúpula da Polícia Federal.

Para não ficar chateado com o presidente, Maiurino ganhou um cargo de consolação: Secretário Nacional de Políticas sobre Drogas.