27 de julho de 2021Informação, independência e credibilidade
Brasil

Roda Viva: Porchat diz que chamar Bolsonaro de “genocida” não o atinge, tem que ser de “pau fino”

Humorista do Porta dos Fundos acredita que para conseguir uma reação do presidente e seus seguidores, é preciso falar a língua deles

Em entrevista ao Roda Viva nesta segunda (21), Fábio Porchat, humorista do Porta dos Fundos, afirmou que é necessário nivelar o debate por baixo para que Jair Bolsonaro e seus seguidores entendam a mensagem.

Porchat acredita que chamar Bolsonaro de fascista, genocida ou nazista não o afeta. Pois, como criança malcriada, a mensagem as vezes só atinge quando se baixa o nível.

Então em um cenário onde o presidente não se importa ser indiciado por genocídio no Tribunal de Haia, Porchat propos o seguinte para chamar a atenção: chamar Bolsonaro de “pau fino”.

“Eu tenho essa teoria de que a gente não tem mais que falar que o Bolsonaro é genocida, a gente tem que falar que o Bolsonaro tem pau fino porque daí chega nele, daí chega lá. Eles nivelam o debate por baixo”. Fábio Porchat.

De qualquer forma, ou não, a #Bolsonaropaufino ganhou certa tração no trending topics do Twitter. Justamente horas antes da prisão do aliado de Bolsonaro, o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella.