28 de maio de 2022Informação, independência e credibilidade
Maceió

Saiba como ter acesso ao Centro para tratamento de sequelas da Covid-19

Unidade atende apenas residentes em Maceió, com horário agendado, por meio do sistema regulador

Saiba como ter acesso ao Centro para tratamento de sequelas da Covid-19
Unidade fica no Pam Salgadinho. Foto: Polyanna Monteiro/Ascom SMS
Criado para oferecer acompanhamento e tratamento aos maceioenses com sequelas da Covid-19, o Centro de Especialidades Eliane Machado, fica localizado dentro do PAM Salgadinho, no bairro Poço.

O local funciona de segunda a sexta, das 7h às 19h, oferecendo assistência nas especialidades de alergologia/imunologia, cardiologia, neurologia, otorrinolaringologia e pneumologia. Desde sua inauguração, em agosto de 2020, a unidade já ofertou 12.369 atendimentos.

Sequelas da Covid-19 são tratadas na unidade. Foto: Polyanna Monteiro/Ascom SMS

Para ser atendido no Eliane Machado, o paciente precisa ser residente em Maceió e ter sido encaminhado de hospitais de referência, para internação de pacientes com Covid-19, no território de Maceió, em unidades básicas e de referência da rede municipal, além de unidades de atendimento de síndromes gripais da cidade e outros postos de atendimento médico do Município, como Consultório na Rua, Unidades de Pronto Atendimento, entre outros.

Encaminhamento e agendamento para o Centro

Após a consulta médica, usuários atendidos em unidades básicas e de referência receberão formulário de encaminhamento médico para cadastro da demanda e agendamento pelo sistema regulador do Município, conforme disponibilidade de vaga.

Já aqueles internados por Covid-19, atendidos nas unidades de síndromes gripais, hospitais, UPAs e no Consultório na Rua terão seus encaminhamentos preenchidos pelo médico da unidade de atendimento e, posteriormente, enviados pelo responsável da unidade para a Central de Marcação do Município, que se encarregará de entrar em contato com o usuário, após agendamento.

“Com esse fluxo, temos proporcionado maior conforto aos usuários para acessar de forma mais ágil e prática os serviços ofertados no Eliane Machado. Principalmente no que diz respeito aos pacientes atendidos em unidades de síndromes gripais, hospitais, UPAs e no Consultório na Rua, pois esses não precisam se dirigir a unidades de saúde para marcar sua consulta”, afirmou a coordenadora da Atenção Especializada da Saúde, Sandra Moura.

Documentação exigida para atendimento

É importante que, no dia do atendimento no Eliane Machado, o usuário esteja em mãos com todos os exames realizados durante o período da infecção, assim como o  resumo de alta (nos casos em que houve  internação), identidade,  CPF, comprovante de residência, cartão do SUS e formulário padronizado preenchido pelo médico que atendeu a pessoa.

No caso de o usuário comparecer à unidade, na busca por atendimento, sem prévio agendamento por sistema regulador, a unidade fará o acolhimento e orientará sobre o fluxo de atendimento correto para ter acesso aos serviços. Também irá direcionar a pessoa a procurar por uma unidade de saúde para receber avaliação médica inicial e, só então, encaminhamento para o Centro de Especialidades Eliane Machado.