29 de maio de 2022Informação, independência e credibilidade
Alagoas

Sedetur investe na elaboração de plano diretor de cidades turísticas

Planejamento territorial define o melhor modo de ocupar uma região, prevendo os pontos onde se localizarão atividades e todos os usos do espaço

Com foco no ordenamento e desenvolvimento territorial, o Governo de Alagoas, através da Secretaria do Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), está investindo na elaboração de planos diretores das principais cidades turísticas do estado. Dois deles, Porto de Pedras e Paripueira – que estão localizados na Área de Preservação Ambiental (APA) Costa dos Corais, já estão em fase de execução.

Já os municípios de Japaratinga, Barra de Santo Antônio, Passo de Camaragibe e São Miguel dos Milagres estão com convênios celebrados na Sedetur e aguardam a tramitação do processo de licitação das empresas responsáveis para iniciar os estudos técnicos.

O planejamento territorial define o melhor modo de ocupar uma região, prevendo os pontos onde se localizarão atividades e todos os usos do espaço, convertendo os espaços da cidade em benefício para todos, além de garantir condições para financiar o desenvolvimento municipal e viabilizar a utilização dos recursos disponíveis de forma democrática e sustentável.

De acordo com o secretário do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Marcius Beltrão, o plano diretor assegura que os investimentos públicos sejam otimizados.

“É uma satisfação muito grande para o Governo de Alagoas poder contribuir para a organização de cada município do estado. O Plano Diretor vai fazer a diferença na organização do crescimento social e sustentável dessas cidades, garantindo que todas as pessoas tenham acesso aos benefícios e oportunidades que o meio ambiente urbano pode trazer; fazendo com que o investidor do turismo possa ali se instalar, atraindo cada vez mais visitantes”. Marcius Beltrão.

Já o secretário de Turismo de Paripueira, Antônio Moura, expõe que a elaboração do Plano Diretor vai permitir que o município ande lado a lado com o desenvolvimento do litoral norte respeitando critérios turísticos e ambientais.

“Os benefícios do Plano Diretor são diversos. Os principais são que a cidade vai estar apta a crescer de forma ordenada, tendo um norte para que o município possa se desenvolver da melhor forma possível. No futuro teremos uma cidade mais estruturada, sustentável e turística, que está sempre preparada para receber o visitante da melhor forma possível”, destaca.

Além disso, o secretário Antônio Moura pontua que os que mais que se beneficiam com o Plano Diretor são os moradores do município que vão viver em uma cidade mais estruturada. “Cidades organizadas estão mais capacitadas a proporcionarem uma melhor qualidade de vida, onde o cidadão consegue viver, ter lazer e ainda cuidar da família.”

Como um projeto que tem efeito direto na vida dos alagoanos, a elaboração do Plano Diretor vai ser acompanhada, através de uma audiência pública, pela Sociedade Civil, entes públicos e privados, para que possam participar e opinar sobre o andamento e como funcionará todo o projeto. Após essa etapa, o município passa para o estágio de execução.

Além de Paripueira, a cidade de Porto de Pedras já está com o Plano Diretor licitado, para dar início à ordem de serviço. Japaratinga, Barra de Santo Antônio, Passo de Camaragibe e São Miguel dos Milagres são outros municípios alagoanos que estão com processos em tramitação.