23 de setembro de 2021Informação, independência e credibilidade
Blog

Ser ou não ser continua sendo o dilema de Renan Filho, hoje

Governador sonha com mandato em 2023, mas como deixar o governo em 2022?

Renan Filho na eterna questão: ser ou não ser?

Ser ou não ser é a tormenta mais latente vivida nos dias atuais pelo governador Renan Filho.

Ele quer ser, mas ainda é cedo para decidir.

Enquanto isso, segue sonhando com uma vaga no Senado Federal em 2023. Mas, para isso precisa se candidatar a essa vaga e disputar as eleições de 2022.

E aí, eis a questão.

Deixando o governo em abril do próximo ano,  o substituto será o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Marcelo Victor que, segundo os bastidores, tem ligações com o bloco do presidente da Câmara, deputado Arthur Lira (PP).

E vem o dilema: Como Victor trataria Renan Filho durante a campanha para o Senado? Como aliado ou um adversário de Lira?

As questões estão na mesa e continuam sendo pontos de interrogação no palácio, que ainda vê outra história incômoda.

Isto é, o caixa do governo alagoano – o único no País – tem mais de R$ 5 bilhões para investimentos. Deixando o governo, a dinheirama fica para quem vier, cuidar, controlar ou gastar como quiser.

Enfim, a tez normal da decisão por enquanto é pálida. E assim estará até quando fevereiro chegar.

No frisson do carnaval é que as coisas tomam rumo.

One Comment

Comments are closed.