29 de maio de 2022Informação, independência e credibilidade
Alagoas

Vigilância interdita lanchonete no Tabuleiro do Martins por funcionamento irregular

Estabelecimento terá 30 dias para se adequar às normas e retomar o funcionamento

Vigilância interdita lanchonete no Tabuleiro do Martins por funcionamento irregular
Foto: Visa Maceió

Em mais um trabalho de fiscalização pelos bairros de Maceió, nessa quinta-feira (17), a Vigilância Sanitária (Visa) interditou uma lanchonete localizada no Conjunto Cleto Marques Luz, no Tabuleiro do Martins.

Os fiscais identificaram o local com diversas irregularidades, incluindo presença de mofo nos ambientes, alimentos mal armazenados, higienização precária e ausência  de Equipamentos de Proteção Individual (EPI´s) adequados para os funcionários do estabelecimento.

O coordenador da Vigilância Sanitária, Airton Santos, informou que fiscais da Visa já tinham ido ao local algumas vezes para orientar e solicitar adequação às normas estabelecidas pelo órgão e que, mesmo assim, não houve adesão às orientações por parte do proprietário.

“Já tínhamos vindo aqui em outros momentos e repassado todas as normas para o bom funcionamento da lanchonete, mas o proprietário não tomou as providências cabíveis e, por isso, tivemos que interditar”.

O estabelecimento foi notificado, autuado e terá 30 dias para se adequar às normas e retomar o funcionamento. Como consequência das irregularidades flagradas pelos fiscais da Vigilância, o local poderá receber multa que varia de R$ 180,00 a R$ 19 mil. O valor é estabelecido conforme a gravidade das infrações cometidas.

Fiscalizações em 2022

Os trabalhos de fiscalização são realizados de forma rotineira pelas equipes da Vigilância Sanitária de Maceió. São ações que acontecem em estabelecimentos como frigoríficos, laticínios, supermercados, avícolas dentre outros ramos espalhados pelos bairros de Maceió.

Nas visitas, são verificados itens como condições de armazenamento, refrigeração, manipulação, conservação e comercialização dos alimentos.

Desde janeiro deste ano, o trabalho já resultou na interdição de sete estabelecimentos por inadequação ao que estabelece o Código Sanitário, sendo três panificações, duas farmácias, um restaurante e uma lanchonete.

Disque Denúncia

Para denunciar irregularidades observadas em estabelecimentos fora das adequações sanitárias e que causam riscos à saúde da população, é possível entrar em contato no telefone 3312-5495, de segunda a sexta-feira, das 7h às 13h, ou pelo WhatsApp (82) 98705-0730, que funciona 24h, todos os dias.