9 de dezembro de 2021Informação, independência e credibilidade
Alagoas

AL ainda na Fase Vermelha: Entenda as bandeiras de classificação dos decretos contra Covid-19

Apesar de Alagoas apresentar alguns dados inferiores aos da primeira, taxa de letalidade segue alta

O governador Renan Filhou anunciou a atualização do decreto de distanciamento social em Alagoas, na noite desta terça (11). O estado segue na fase vermelha, mas houve uma série de flexibilizações.

E você deve estar se perguntando: quais critérios definem a cor da fase em que se encontra o estado? Antes de tudo, é importante saber que são cinco os níveis de fase e Alagoas, neste momento, segue na de maior alerta, a de “Risco Elevado”.

  • Vermelha: Risco elevado
  • Laranja: Risco moderado alto
  • Amarelo: Risco moderado
  • Azul: Risco moderado baixo
  • Verde: Risco controlado

Um dos critérios para a diminuição do “risco” nesta pandemia é a oferta de leitos disponíveis para tratamento contra Covid-19 no estado. E as taxas em Alagoas seguem relativamente altas:

É importante observar que, nesta segunda onda da pandemia, a taxa de ocupação de leitos se assemelhou aos piores momentos da primeira onda – que tinha uma oferta menor. E mais importante: nesta semana, já foi iniciada uma queda nas ocupações.

Mas mesmo que Alagoas não tenha mais de 80% dos leitos ocupados, é preciso levar em consideração a quantidade de óbitos na média semanal.

Como observado no gráfico a seguir, a evolução de óbitos nesta semana apresentou o menor índice das últimas 5 semanas. Na verdade, há 9 semanas Alagoas não registrava menos que 123 óbitos confirmados.

Por fim, mais um critério utilizado para categoria a cor da fase é a proporção entre casos ativos e pacientes recuperados, nas úlitmas 5 semanas.

E como observado no gráfico a seguir, a proposição entre casos ativos e recuperados manteve-se estável e nem de perto chegou aos números da primeira onda.

Vemelho

Apesar de Alagoas apresentar alguns dados inferiores aos da primeira onda ou até mesmo índices promissores, não há cenário para relaxar: o risco segue elevado e um índice importante força o decreto a permanecer no vermelho: a taxa de letalidade.

O Plano de Distanciamento Social Controlado, de forma completa, pode ser conferido clicando aqui.

Decreto

A renovação do Decreto Emergencial alterou o horário de funcionamento de bares, restaurantes e shoppings centers para as 21h – inclusive durante os fins de semana – já a partir da 0h desta quarta-feira (12).

Outra novidade é a volta do funcionamento de cinemas, teatros, circos, museus e parques temáticos com 30% de ocupação, mas apenas a partir da próxima sexta-feira (14), e a ampliação do horário de circulação de pessoas das 21h para as 22h.

As novas medidas de enfrentamento ao novo coronavírus têm validade pelos próximos 15 dias. Até lá Alagoas segue na Fase Vermelha do Plano de Distanciamento Social Controlado.

As medidas foram estabelecidas após avaliação dos principais indicadores relativos à pandemia, como a redução na taxa de ocupação de leitos e a tendência de queda no número de óbitos por Covid-19.

“O Estado segue na Fase Vermelha, sobretudo porque ainda temos, mesmo em queda, um número de mortes semanal alto, mas com algumas flexibilizações e com a possibilidade de seguirmos avançando de fase mais adiante”. Renan Filho.

Com as mudanças, o estado restabelece o funcionamento do setor produtivo próximo à totalidade:

  • Bares e restaurantes podem funcionar todos os dias, incluindo finais de semana, ate às 21h;
  • Voltam a funcionar cinema, teatro, circos, museu e parque temático com (30% de sua capacidade);
  • Shoppings e galerias podem funcionar até às 21h, durante a semana e final de semana;
  • Circulação de pessoas fica autorizada até às 22h.

Eventos sociais e esportivos, no entanto, seguem proibidos para evitar aglomerações.

Educação nesta segunda onda

O governador disse que as aulas na rede pública estadual de ensino educação pública só irão retornar com a vacinação dos profissionais da educação.

Essa imunização deve acontecer até junho para. Só então serão retomdas as aulas com segurança para os profissionais e protocolos rígidos para os alunos.

Alagoas chegou a ter na segunda onda 178 mortes em uma semana e há uma tendência de queda, sendo registrado, no último sábado, 123 óbitos.  Na capital foram 88 óbitos e chegamos a 55, média de 8 óbitos por dia. No interior foram 90 óbitos e na semana passada fechou em 68 óbitos.

O estado tem um total de 180.975 casos confirmados do novo coronavírus, dos quais 2.974 estão em isolamento domiciliar. Há 12.475 casos em investigação laboratorial e, no total, Alagoas tem 4.413 óbitos por Covid-19.