1 de dezembro de 2021Informação, independência e credibilidade
Blog

No silêncio, JHC matura o tempo com o cavalo selado à porta para 2022

Prefeito aparece à frente de todas as pesquisas para o governo do Estado

JHC se mantém no silêncio, apesar das pesquisas que o apontam como o nome mais forte

Em política, principalmente nas bandas de cá, diz-se sempre que quando o cavalo selado para na porta é preciso montar, antes que ele vá embora logo.

Hoje em Alagoas, o prefeito de Maceió, João Henrique Caldas (JHC), do Partido Socialista Brasileiro, é o nome mais forte que aparece em todas as pesquisas de opinião pública realizadas este ano, com foco nas eleições para o governo do Estado.

Cenário por cenário, JHC é o nome que aparece à frente, com larga diferença entre todos os outros citados nas planilhas dos institutos de pesquisa.

Ou seja, o cavalo está lá.

O curioso nisso tudo é o silêncio do prefeito de Maceió em relação aos fatos. Pode está no dilema ser ou não ser ou mesmo conjecturando entre os seus que estratégia seguir.

Claro, que, lá atrás, chegou a sinalizar que seu candidato ao governo é o senador Rodrigo Cunha (PSDB). E nesse caso tem uma razão própria.

Se Cunha se elege, a mãe do prefeito, Eudócia Caldas, assumirá o Senado, sendo ela a primeira suplente. Mas, além disso, João Caldas, o pai está em campanha para deputado federal.

Mas, se JHC assume a candidatura ao governo pai e mãe estarão fora do jogo eleitoral de imediato.

Nesse caso, o silêncio fala mais alto.

Mas, para que os sonhos de poder se materializem é preciso que outros atores saltem as cordas.

Talvez, seja exatamente esse o momento esperado pelo prefeito, que navega às redes sociais ancorado por versículos bíblicos.

Mas, ainda assim ciente de que há um tempo certo para cada propósito.

Principalmente com o cavalo selado à porta.