29 de novembro de 2021Informação, independência e credibilidade
Alagoas

Vídeo: A forte emoção do empresário Fernando Peron para reabrir seu negócio

Peron, dono do restaurante O Boteco, em Maceió, fala dos empregados, do governo e da mãe que não quer que morra

Fernando Peron, dono do restaurante Boteco: quando o bate o desespero

É muito tênue a linha entre o desespero e a loucura quando situações inusitadas tomam conta da vida de cada ser. Fica a sensação de que tudo está a desabar e não há sinais de algo que  possa vir em socorro para mudar o quadro.

É pelo menos essa visão que passa o empresário alagoano, Fernando Peron, ao gravar um vídeo nesse momento de pandemia, quando fala da necessidade de retornar as atividades, mas, ao mesmo tempo, sente o drama de famílias que estão sentindo na pele a dor dos parentes que perderam.

Proprietário do restaurante O Boteco, Fernando Peron tem 16 funcionários e fala com forte emoção da situação de cada um deles.

Ao mesmo tempo, tenta encontrar um norte. “Mesmo sabendo que está errado, eu sei que preciso voltar por que eu tenho um negócio… Não sei mais o que pensar. Ontem, morreram duas pessoas que eu conhecia… Não sei mais o que pensar…”

O vídeo é forte. Assista:

 

One Comment

  • Avatar José Elias metri

    Pois é… o que é mais importe: o negócio ou a vida?
    Todos tem que inventar. Ter idéias tais como vender por internet,… temos que se adaptar em favor da vida, senão estaremos sempre arriscando. É possível também imitar outros países que acertaram no controle até que surja a vacina. O governo federal deveria garantir a sobrevivencia de todos. Por exemplo os aposentados que já tem o seu sustento tem que ficar em casa para colaborar com nosso sistema de saúde. O salario desemprego tem que chegar para todos necessitados. O produção de dinheiro tem que existir, depois se controla.e se restaura a economia. AGORA O IMPORTANTE É SALVAR VIDAS.

Comments are closed.