29 de julho de 2021Informação, independência e credibilidade

Dia: 22 de junho de 2021

Corrupção em compra de vacinas: Bolsonaro pagou 1000% a mais pela indiana Covaxin

Corrupção em compra de vacinas: Bolsonaro pagou 1000% a mais pela indiana Covaxin

Brasil
Documentos do Ministério das Relações Exteriores mostram que o governo comprou a vacina indiana Covaxin por um preço 1.000% maior do que, seis meses antes, era anunciado pela própria fabricante. Telegrama sigiloso da embaixada brasileira em Nova Délhi de agosto do ano passado, ao qual o Estadão teve acesso, informava que o imunizante produzido pela Bharat Biotech tinha o preço estimado em 100 rúpias (US$ 1,34 a dose). Em dezembro, outro comunicado diplomático dizia que o produto fabricado na Índia "custaria menos do que uma garrafa de água". Em fevereiro deste ano, o Ministério da Saúde pagou US$ 15 por unidade (R$ 80,70, na cotação da época) — a mais cara das seis vacinas compradas até agora. A ordem para a aquisição da vacina partiu pessoalmente do presidente Jair Bolsonaro.
Estelionatário que aplicava golpes usando nomes e imagens de promotores de Justiça é preso

Estelionatário que aplicava golpes usando nomes e imagens de promotores de Justiça é preso

Justiça
Thénardier: esse é o nome da operação desencadeada pelos Ministérios Públicos dos Estados de Alagoas e Goiás para prender um estelionatário que estava utilizando, desde o ano passado, nomes e imagens de promotores de Justiça de diversas unidades do Ministério Público Brasileiro para aplicar golpes através do aplicativo WhatsApp. Uma das vítimas é integrante do MPAL. O acusado, James Dean Ramos Moraes, foi preso na cidade de Goiânia. A operação conta com o apoio das Procuradorias-gerais de Justiça de Alagoas e de Goiás. As investigações começaram quando o Ministério Público de Alagoas recebeu uma representação de um membro do MPAL, que relatou ter sido informado que seu nome estava sendo utilizado para pedir dinheiro a motoristas ligados a prefeituras do interior de estados brasileiros
Comissão Especial ouve reivindicações de moradores de bairros atingidos pela mineração de sal-gema

Comissão Especial ouve reivindicações de moradores de bairros atingidos pela mineração de sal-gema

Alagoas
A Comissão Especial para tratar da situação dos bairros atingidos pela mineração de sal-gema, presidida pelo deputado Cabo Bebeto (PTC), esteve reunida nesta terça-feira, 22, com representantes do Movimento Unificado das Vítimas da Braskem, da Associação dos Empreendedores do Bairro do Pinheiro e do SOS Pinheiro, além de representantes da mineradora. Na pauta, a situação dos moradores e comerciantes da região. A reunião contou ainda com a presença dos deputados Dudu Ronalsa (PSDB), Jó Pereira (MDB) e Silvio Camelo (PV). Cabo Bebeto explicou que a reunião aconteceu devido as reclamações dos moradores com relação às divergências e atrasos nas negociações dos imóveis. “Nós questionamos a Braskem sobre o andamento das negociações. Hoje os moradores e comerciantes trouxeram outros pont
Festas juninas podem agravar disseminação do novo coronavírus

Festas juninas podem agravar disseminação do novo coronavírus

Alagoas
Com uma taxa de ocupação dos leitos exclusivos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para Covid-19 no patamar de 85%, conforme relatório emitido pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), os alagoanos devem continuar se protegendo para não agravar a disseminação do novo coronavírus durante os festejos juninos. A infectologista do Hospital Geral do Estado (HGE), Angélica Novaes, alerta a população sobre os riscos de fugir das recomendações contra o contágio ao cair no forró. “Por agora, furar a prevenção significa disseminar o vírus e contaminar mais pessoas. Se quer curtir as festas juninas, faça uma programação em casa, somente com quem tem convívio diário. Essa recomendação é chata, mas ainda necessária. Caso contrário, além de os hospitais aumentarem as taxas de ocupação, há o
Quinze municípios aderem a convênio para universalizar água e esgotamento no Litoral e Zona da Mata

Quinze municípios aderem a convênio para universalizar água e esgotamento no Litoral e Zona da Mata

Alagoas
Prefeitos de 15 municípios do Litoral e Zona da Mata alagoanos assinaram, na tarde desta segunda-feira (21), o Convênio de Cooperação com o Governo do Estado para a regionalização do planejamento, organização, gestão, fiscalização e regulação dos serviços de fornecimento de água e esgotamento sanitário. A proposta, orçada em cerca de R$ 1,350 bilhão, conta com a intermediação da Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado de Alagoas (Arsal). As assinaturas de adesão ocorreram no Auditório Aqualtune, do Palácio República dos Palmares, após a reunião da Unidade Regional de Saneamento Básico do Bloco C, formado por gestores dos 40 municípios do Bloco C do Litoral e Zona da Mata alagoanos. O prazo para assinatura do convênio vai até o dia 28 de junho. Na última quarta-feira
Renan Filho autoriza obras do Minha Cidade Linda em Anadia, Capela e São José da Laje

Renan Filho autoriza obras do Minha Cidade Linda em Anadia, Capela e São José da Laje

Alagoas
O governador Renan Filho e o secretário de Estado do Transporte e do Desenvolvimento Urbano, Mosart Amaral, assinaram, na manhã desta terça-feira (22), no Salão de Despachos do Palácio República dos Palmares, as ordens de serviço para o início das obras do Minha Cidade Linda em Anadia, Capela e São José da Laje. Agora, já são 38 municípios alagoanos beneficiados pelo programa, que vai investir, até 2022, cerca de R$ 390 milhões em infraestrutura urbana nas 91 cidades do estado com até 50 mil habitantes. “Esse programa vai fazer a maior série de obras de pavimentação, drenagem e de construção de calçadas da história do nosso estado. O Governo de Alagoas cumpre o papel de auxiliar os municípios nesse momento de dificuldade, garantindo geração de emprego e de oportunid
Setor hoteleiro quer reabertura de praias e restaurantes nos finais de semana em Alagoas

Setor hoteleiro quer reabertura de praias e restaurantes nos finais de semana em Alagoas

Alagoas
A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) apontou que Alagoas é o único estado a manter fechado bares e restaurantes em sua capital durante os finais de semana. E a informação deste levantamento levou o setor hoteleiro local, especialmente entre empresários do turismo alagoanos, a pressionar pela reabertura destes pontos em Maceió. O problema é que diante dos números da pandemia, apresentados pela Secretaria de Saúde, apontam que a pandemia ainda não está controlada em Alagoas. Por isso, aliviar nas medidas segue fora de questão por enquanto. A reabertura anima o setor exatamente por causa do turismo rodoviário, que ganhou força na pandemia. Maceió e cidades litorâneas querem usufruir das praias, hoje inacessíveis nos finais de semana. Confira o decreto
Lote de 1,5 milhão de doses da vacina da Janssen chega ao Brasil

Lote de 1,5 milhão de doses da vacina da Janssen chega ao Brasil

Brasil
O primeiro lote de 1,5 milhão de doses da vacina contra a covid-10 da Janssen, unidade farmacêutica da Johnson & Johnson, chegou na manhã de hoje (22) ao Brasil. O avião que trouxe a remessa pousou no Aeroporto Internacional de Guarulhos no início da manhã. Ao todo, foram encomendadas pelo governo federal 38 milhões de doses dessa empresa. "Mais 1,5 milhão de doses de esperança para a população brasileira. Essa vacina tem a vantagem de ser dose única e, com isso, conseguimos avançar no nosso programa de imunização. A certeza é a de que até setembro teremos imunizado toda a população acima de 18 anos. É a esperança de colocar fim ao caráter pandêmico dessa doença”. Marcelo Queiroga, ministro da Saúde. Ele presenciou a chegada das vacinas. Os imunizantes serão distribuídos aos e
Ronaldo Lessa indica Patrícia Mourão para substituir Ricardo Santa Rita na Secretaria de Turismo

Ronaldo Lessa indica Patrícia Mourão para substituir Ricardo Santa Rita na Secretaria de Turismo

Maceió
Setores do PDT bem que tentaram emplacar o nome do ex-deputado estadual, Judson Cabral, para a Secretaria Municipal de Turismo, mas o vice-prefeito Ronaldo Lessa, dirigente máximo do partido no Estado, preferiu o nome de Patrícia Mourão, que já passou pelo mesmo cargo quando Lessa esteve prefeito de Maceió. Mourão tem histórico de boa atuação junto ao trade turístico e seu nome foi comemorado pelo setor. Ela vai substituir Ricardo Santa Rita, que foi exonerado após se envolver em embate político nas redes sociais, sobre a suástica no nazismo. O nome de Patrícia Mourão fjá foi confirmado na tarde desta terça-feira, 22, pelo prefeito JHC como a nova Secretária de Turismo de Maceió. Pelas redes sociais, Mourão se manifestou que estava surpresa com a escolha do seu nome e agradece
Justiça condena Paulo Guedes por chamar servidores públicos de ‘parasitas, assaltantes e preguiçosos’

Justiça condena Paulo Guedes por chamar servidores públicos de ‘parasitas, assaltantes e preguiçosos’

Brasil
O Ministro da Economia, Paulo Guedes, foi condenado a pagar multa de R$ 50 mil por agredir verbalmente servidores públicos do País, ao chamá-los de "parasitas, assaltantes e preguiçosos". A decisão foi da juíza Cláudia da Costa Tourinho Scarpa, da 4ª Vara Federal da Bahia, que acatou pedido do Sindicato dos Policiais Federais do Estado (Sindipol-BA).  Na decisão, a juíza destacou que a indenização por dano moral coletivo foi necessária por que Paulo Guedes violou  a “honra e a imagem dos servidores” e incentivar o ódio   De acordo com a magistrada, Guedes excedeu “barbaramente'” o direito de liberdade de expressão, insultou os servidores públicos e incentivou o ódio e a discriminação. “Ele os comparou a ‘parasitas’, pediu que eles ‘não assaltem o Brasil, quando o gigan